NP Online » Educação » Ministro da Educação defende o fim do ensino noturno
Educação Notícias

Ministro da Educação defende o fim do ensino noturno

Ministro da Educação defende o fim do ensino noturno
Ministro da Educação defende o fim do ensino noturno – Foto: Reprodução
Em entrevista à Rádio Jornal o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), defendeu o fim do ensino noturno ao longo do tempo no Brasil.

Do Blog de Jamildo:


Ministro da Educação defende fim do ensino noturno no País

Em entrevista à Rádio Jornal, na manhã desta segunda-feira (26), o ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM), defendeu o fim do ensino noturno ao longo do tempo no Brasil. Para o pernambucano, a luta é para que os jovens concluam o ensino médio aos 17 anos e não tenham que ir ao mercado de trabalho durante o dia, enquanto estudam à noite.

“Espero que um dia a gente não tenha mais ensino noturno. Isso é uma distorção provocada, porque na verdade quando o jovem vai para uma educação noturna ele acumulou deficiências ao longo da vida. Então temos que acabar com a repetência para que ele não acumule defasagem, conclua o ensino médio como a grande maioria da classe média, aos 17 anos, não tenha que se dirigir ao mercado de trabalho por que a família obriga e por que tem necessidade em casa”, disse.

Ainda assim, o ministro da Educação ressaltou que o ensino noturno mantido no País, pois muitos jovens ainda necessitam para conciliar os estudos com o trabalho. “O ensino noturno está sendo preservado no novo ensino médio que estamos introduzindo, mas ao longo do tempo espero que vá diminuindo”, explicou.


[color-box color=”white”]NP

 

 

O que significa extinguir o ensino noturno no Brasil? Significa que o governo golpista não está nem um pouco preocupado com aqueles que, sendo obrigados a trabalhar durante o dia, tenham a chance de estudar apenas à noite.

Não é uma preocupação verdadeira com a educação dos jovens, mas sim uma preocupação em criar uma legião de jovens que não poderão estudar durante o dia e muito menos à noite. O primeiro passo o governo já deu quando acabou com o Programa Brasil Alfabetizado. [/color-box]

4 Comentários

Clique aqui para escrever um comentário

  • grande ministro (E GORDO), merda de onça filho, deve ter consultado, o grande EDUCADOR, alexandre frota, pois quem estuda não pode ser MANIPULADO, e questiona sempre. e ao ser questionado o GOVERNO DE MENTIRA, fica sem resposta. Maria Amélia apesar de ser MENDONÇA disse tudo.

  • Do jeito que estão as coisas ultimamente no país, soa estranho esta intenção desde ministro, o próprio governo federal sobre a educação não fala a que veio, tudo é complexo, sem expectativas e sem perspectivas, mas num outro contexto político, com tudo em ordem e funcionando, talvez este projeto fosse melhor apreciado e compreendido.